Flea explica playback do RHCP no Super Bowl e Axl Rose tira sarro do caso

flea gorburguer Flea explica playback do RHCP no Super Bowl e Axl Rose tira sarro do caso

Como você viu aqui no Tenho Mais Discos Que Amigos!, a performance do Red Hot Chili Peppers com Bruno Mars no Super Bowl do último Domingo foi feita através deplayback dos instrumentos.

Obviamente muita gente está falando e discutindo a respeito do assunto e Flea, baixista dos Peppers, decidiu publicar uma mensagem no site oficial da banda para esclarecer as coisas:

Quando fomos convidados pela NFL e por Bruno para tocar nossa música “Give It Away” no Super Bowl, foi deixado bem claro que os vocais seriam ao vivo, mas a bateria, baixo e guitarra seriam gravados anteriormente. Eu entendo a posição da NFL quanto a isso, já que eles só têm alguns minutos para montar o palco e há zilhões de coisas que podem dar errado e arruinar o som para as pessoas assistindo no estádio e na TV. Não houve espaço para discutir quanto a isso, a NFL não quer arriscar o show do intervalo com um som ruim, ponto final.

A posição do Red Hot Chili Peppers quanto a playbacks sempre foi de simplesmente não fazer. A última vez que fizemos (ou tentamos) foi no final dos Anos 80, quando fomos tirados do programa Top Of The Pops no Reino Unido durante os ensaios porque nos recusamos a fazer o playback corretamente. Eu toquei baixo com meu sapato, John tocou guitarra em cima dos ombros de Anthony e nós basicamente praticamos luta livre no palco, tirando sarro da ideia de que era uma performance ao vivo.

A mensagem de Flea é grande e o baixista ainda disse que o Super Bowl foi como “gravar um clipe na frente de milhões de pessoas” além de agradecer a NFL e Bruno Mars pelo convite, dizendo que faria tudo novamente.

Você pode conferir o texto na íntegra clicando aqui.

AXL ROSE

Quem aproveitou a ocasião para fazer piada foi Axl Rose, vocalista do Guns N’ Roses,que raramente vem a público para expressar as suas opiniões, mas dessa vez foi bastante eloquente, falando principalmente do fato de não haver cabos conectados aos instrumentos:

Em nome da Ciência

A respeito da controvérsia “sem fio” da Internet sobre o show do Red Hot Chili Peppers no Super Bowl…

Eu gostei do show e não tenho ideia sobre a verdade nem gostaria de sugerir que alguém não estava fazendo um show de verdade ou que o que eles estavam tocando não era o que estávamos ouvindo. Dito isso, acho que é importante sempre olhar para o lado positivo das coisas e conceder o benefício da dúvida.

Então considere que talvez antes do show de verdade, ao invés de usar um cabo ou transmissor sem fio comum, que em nome da ciência e da humanidade, Flea teve a coragem de instalar uma novíssima tecnologia de microchip em sua bunda que captava as frequências do seu baixo e as transmitia para o amplificador.

Talvez todos eles tivessem microchips instalados em suas bundas para não apenas transmitir as frequências dos seus instrumentos como para pegar Direct TV e Internet também! Como o Google Glass… Google Ass! Eles poderiam ser pioneiros científicos! Como Buzz Aldrin! Verdadeiros (desculpem o trocadilho) ASS-tro-nautas! Ou como bonecos de teste para bandas do Super Bowl, como aqueles carros que andam por conta própria.

Além disso… Se a banda realmente não estava tocando e Anthony estava cantando de verdade, talvez eles tenham batido o recorde do maior público de karaokê da história. Maravilhoso!

 

Fonte: Billboard

Fonte: tenhomaisdiscosqueamigos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s